Conecte-se conosco

Ajude a Evangelizar o Mundo

A verdadeira ‘vitamina da alegria’

Este é o 23° texto da coluna diária do Conexão Política sobre reflexões cristãs.

Published

em

Tomaz Silva | Agência Brasil

Na década de 90, um grande banco brasileiro, ao inaugurar seu serviço de atendimento ao cliente, criou para os seus funcionários um ambiente chamado ‘sala de descompressão’. Descompressão é o ato de trazer alívio ao que está sob forte efeito de pressão. O objetivo daquela instituição era oferecer aos seus membros uma oportunidade de aliviar as tensões geradas pelo atendimento telefônico juntos aos clientes.

Saindo um pouco deste território, o carnaval da cidade de Ovar é o mais badalado em Portugal, e é conhecido como ‘Vitamina da Alegria’. A 2ª Guerra Mundial provocou a interrupção do Carnaval de Ovar, mas com a vitória dos aliados foi gerado um ambiente de ‘descompressão social’, preparado para que as pessoas liberassem suas tensões e pressões internas. Com isso, voltou o carnaval de Ovar.

Podemos constatar que, tanto a ‘Vitamina da Alegria’, de Portugal, quanto a ‘descompressão social’, do pós 2ª guerra, fazem parte de um mesmo propósito: distrair, mudar o foco, liberar e extravasar os mais profundos desejos carnais, sem que haja a menor resistência aos deleites promovidos pela natureza humana.

A Bíblia nos mostra que houve um período em que o povo hebreu caiu em plena ‘folia’. Lançaram ao esquecimento as experiências vividas com o seu Deus, se entregando a um tipo de alegria produzida, extravagantemente, pela bebida e pela liberação dos seus desejos eufóricos e carnais, entregando-se à ‘farra’ e à diversão coletiva. Tudo ali, bem próximo do monte Sinai, onde Moisés subiu para estar na presença do Senhor.

“Na manhã seguinte, ofereceram holocaustos e sacrifícios de comunhão. O povo se assentou para comer e beber, e levantou-se para se entregar à farra.” — Êxodo 32:6 

Mesmo que o carnaval seja considerado parte da identidade cultural nas sociedades do mundo, sendo um traço em nossa própria cultura, seu forte apelo às mais profundas expressões da alma busca liberar fantasias e desejos contidos no interior humano, sendo uma forma de ‘descompressão social’, movido pela ‘vitamina da alegria’.

Infelizmente, muitos jovens e adolescentes, em busca de preenchimento do ‘buraco existencial’, fomentado pela péssima relação familiar e a baixa estima, se entregarão a uma falsa ‘alegria vitaminada’, mesmo sem os ‘encantos’ das escolas carnavalescas neste ano de 2021, e terão suas vidas marcadas por experiências que nunca tiveram, defraudando seus corpos e suas emoções.

As palavras que Deus disse sobre o seu povo — os  hebreus — deveriam soar como uma poderosa canção dentro do coração deles. Assim, talvez, pudessem temer e honrar com alegria àquele que foi seu Salvador.

“Vocês viram o que fiz ao Egito e como os transportei sobre asas de águias e os trouxe para junto de mim. Agora, se me obedecerem fielmente e guardarem a minha aliança, vocês serão o meu tesouro pessoal dentre todas as nações…” — Êxodo 19:4-6

Quando te ofertarem a ‘vitamina da alegria’, saiba que a alegria do Senhor é a sua força!

Ajude a evangelizar o mundo!

Pastor e Consultor de Seguro Saúde