Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Governo

Malafaia quer investigação de pastores ligados ao MEC e pede quebra de sigilo

Gilmar Santos e Arilton Moura são suspeitos de looby e de intermediar repasse de verbas na pasta.

Alan Santos | PR

O pastor evangélico Silas Malafaia publicou um vídeo nesta sexta-feira (25) em que tece duras críticas aos líderes religiosos Gilmar Santos e Arilton Moura.

Conforme noticiado por este jornal digital, ambos foram citados no áudio do ministro da Educação, Milton Ribeiro, como supostos beneficiários pela pasta no repasse de recursos a municípios.

Em sua fala, Malafaia pediu uma ampla investigação por parte do Ministério Público Federal (MPF) e da Polícia Federal (PF). Solicitou, ainda, a quebra dos sigilos telefônico e bancário dos pastores.

“Investigá-los vai fazer um favor aos pastores evangélicos do Brasil. Nós somos mais de 200 mil pastores neste país e não vamos tomar lama por causa de dois camaradas”, declarou.

No vídeo, Silas ainda comparou sua reação a essa polêmica dos dois pastores à conduta tomada por aliados do Partido dos Trabalhadores (PT). Segundo ele, diferentemente do petismo, a categoria “não encobre seus ladrões e corruptos”.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Governo

138 mil escolas públicas serão beneficiadas pelo Acordo de Cooperação.

Congresso

Aliado de Lula, Randolfe é o autor do pedido da Comissão.

Governo

"Eu boto minha cara toda no fogo por ele", afirmou Bolsonaro durante live nas redes sociais.

Governo

Confira detalhes da gravação, a repercussão em Brasília e as versões dos envolvidos na polêmica.