Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

Moraes pede ao TSE investigação contra ministro da Justiça

Ofício assinado pelo ministro do STF tem como base matéria publicada pela revista Veja.

Nelson Jr. | SCO | STF

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), solicitou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a investigação de Anderson Torres, ministro da Justiça, por supostamente praticar campanha eleitoral antecipada.

Torres participou, no dia 29 de julho, de uma transmissão ao vivo com o presidente Jair Bolsonaro em que o chefe do Executivo questiona o atual sistema eletrônico de votação.

No início deste mês, o ministro da Suprema Corte já havia determinado que Torres prestasse depoimento à Polícia Federal (PF) como testemunha da live promovida pelo mandatário.

O documento foi encaminhado ao corregedor-eleitoral do TSE, ministro Luis Felipe Salomão, relator de um inquérito administrativo que apura declarações sobre as urnas eletrônicas.

No ofício, Moraes usa como base uma matéria publicada pela revista Veja, que relata um suposto pedido do ministro da Justiça para participar do ato com o presidente para “ganhar visibilidade”. O pedido de apuração considera rumores de uma possível candidatura de Anderson Torres em 2022.

Clique AQUI para ter acesso ao ofício na íntegra.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Pelo menos quatro integrantes do Supremo participarão do 'Brazil Conferece' em Nova York.

Judiciário

Corte eleitoral julgou uma consulta feita pelas legendas PT, PCdoB e PV.

Judiciário

Fux diz que eventual derrubada de plenário virtual pode trazer 'colapso' ao Judiciário.

Judiciário

Ministro conduzirá trabalhos do colegiado por um ano, a partir de agosto.

----- CLEVER ADS -----