Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

Ex-ministro do STF, Marco Aurélio Mello diz que negar registro a Bolsonaro seria a pior coisa que poderia ocorrer

Medida poderia ‘incendiar o país’, apontou.

Cesar Itiberê | PR

Marco Aurélio Mello, ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu entrevista ao Jornal da Gente, da rádio Bandeirantes, e fez um alerta.

Mello, que já esteve à frente do Tribunal Superior Eleitoral por três vezes, afirmou que o TSE “incendiaria o país”, caso impedisse a candidatura à reeleição do presidente Jair Bolsonaro, do Partido Liberal (PL).

“Seria a pior coisa que poderia ocorrer”, declarou, ao ser questionado por um dos entrevistadores sobre a possibilidade da Corte tirar Bolsonaro da disputa por tecer críticas ao atual sistema eleitoral do país.

“Não vejo motivo para o indeferimento do pedido de registro. Quais fatos levariam a isso? A meu ver, não há nada que possibilite”, acrescentou o ex-magistrado.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Política

Adesão do grupo protestante tem sido cada vez maior em torno do atual chefe do Executivo federal.

Política

Lula e Bolsonaro acumulam os maiores horários.

Política

Ambos somam 38% das intenções de voto, aponta Gerp.

Judiciário

PGR pediu o arquivamento da ação, mas ministro decidiu manter as investigações.

----- CLEVER ADS -----