Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

STF anula condenação de Cabral e abre brecha para derrubar outros processos

Segunda Turma entendeu que Marcelo Bretas não tem competência para julgar desvios na Saúde.

Fernando Frazão | Agência Brasil

Conforme noticiado pelo Conexão Política, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) anulou nesta última terça-feira (7) decisões proferidas pelo juiz federal Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro, no curso da Operação Fatura Exposta.

A instância máxima do Judiciário derrubou pela primeira vez uma condenação contra o ex-governador Sérgio Cabral e abriu brechas para a queda de outros casos envolvendo o ex-chefe do Palácio Guanabara.

A força-tarefa Fatura Exposta investigou fraudes na Secretaria de Saúde do governo fluminense. Durante o julgamento no Supremo, os ministros entenderam que não havia conexão entre os desvios no setor com a corrupção apurada na Secretaria de Obras, alvo da Operação Calicute, primeira investigação contra Cabral.

De acordo com a coluna Painel, “advogados e investigadores viram na decisão [do STF] uma brecha para derrubar outros casos, já que apenas algumas das 33 ações penais contra Cabral na 7ª Vara, de Bretas, têm relação direta com a Secretaria de Obras.”

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Judiciário

Entidades do Judiciário vão se reunir com Rosa Weber para tratar do assunto.

Judiciário

Lewandowski também quer ouvir explicações sobre supostas irregularidades na inoculação em crianças.

Judiciário

Valor anual pode ultrapassar R$ 2,3 mi; Corte diz que cargo de ministro 'requer alto grau de segurança'.

Judiciário

Ex-governador sofreu impeachment em abril de 2021, mas recorreu ao Supremo.