Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Bélgica: Senhora de 88 anos é atacada por imigrante, tem garganta cortada e morre

Uma senhora de 88 anos, Maria Struyf, morreu em um hospital em Antuérpia, na Bélgica, depois de ter sido atacada por um imigrante bósnio que cortou sua garganta na rua, informou o jornal belga Gazete van Antwerp.

O ataque ocorreu em uma área estudantil de Antuérpia, na rua Raapstraat. A idosa foi levada às pressas para o hospital, após sofrer graves ferimentos com risco de vida. Infelizmente, a senhora faleceu devido aos graves ferimentos.

O imigrante, Nebosja T., da Bósnia, fugiu do local, mas foi detido pela polícia no domingo à noite (13). Segundo a HLN, o assassino atacou a senhora de 88 anos com uma navalha de barbear.

O assassino sempre andava com uma navalha no bolso. Foto: RR.

Nebosja morava, há anos, no mesmo edifício de Maria. Os vizinhos o processaram por ele aterrorizar vários moradores. Ele urinava no corredor do prédio, causava barulho e chegou a atacar outros moradores. Ele também cometeu pelo menos quatro roubos no prédio.

Nebosja T. veio para a Bélgica após a guerra na ex-Iugoslávia, em 1997. Em 2006, ele foi condenado a 2 anos de prisão, depois de perfurar e tentar matar uma pessoa com uma chave de fenda. Em 2014, ele foi julgado por posse de drogas. Em janeiro deste ano, ele foi brevemente colocado em uma instituição psiquiátrica.

Investigação
Uma investigação do assassinato foi iniciada.

“Um juiz de instrução foi solicitado para esse homicídio culposo. As circunstâncias estão sendo totalmente investigadas. O juiz de instrução introduziu atualmente uma proibição de comunicação, de interesse da investigação. Podemos confirmar que a polícia prendeu mais um suspeito, na noite de domingo. Por enquanto, não há mais informações sobre esse suspeito”, disse Stéphanie Chomé, da promotoria pública de Antuérpia.

Violência por imigrantes
O assassinato desta senhora de 88 anos aconteceu apenas uma semana depois que um garoto belga de 15 anos foi agredido por um grupo de imigrantes, no município de Kalmthout, na província de Antuérpia. O garoto de 15 anos foi hospitalizado com ferimentos graves no rosto como resultado do ataque.

Lennert Bastiaensen (15) atacado por um grupo de imigrantes. Foto: Toon Verheijen.

No início de outubro, em Herentals, outra cidade na província de Antuérpia, um controlador de transporte público foi hospitalizado com o nariz quebrado, depois que ele levou um soco na cara de um imigrante ilegal africano, que ele abordou e advertiu por estar andando de ônibus sem uma passagem de transporte válida.

Controlador do ônibus, depois que ele levou um soco na cara de um imigrante ilegal africano. Foto: Sceptr.

Comentários

Correspondente internacional na Europa.

Mundo

O julgamento do tribunal de Bruxelas em primeira instância decidiu, na última quarta-feira (31), que o governo da Bélgica deve suspender o toque de...

Últimas

Cerca de 18 moradores de um asilo de idosos morreram infectados com o novo coronavírus após a visita de um ‘papai noel’ infectado. Segundo...

Errata

Assim como o Instituto de Doenças Infecciosas do Hospital Universitário de Marselha na França (IHU Méditerranée Infection) – onde o epidemiologista e professor Didier...

Mundo

Um documento vazado no mais alto nível militar na Turquia revela a existência de um plano secreto para invadir a vizinha Grécia. A descoberta...