Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Fauci afirma que doses de reforço funcionam contra variante Ômicron

Segundo ele, a estratégia contra a cepa deve ser a vacinação, complementada por injeções extras.

Shealah Craighead | White House

Doses de reforço das vacinas contra a Covid-19 atualmente disponíveis funcionam contra a variante Ômicron e parece não haver necessidade de aplicações específicas. Foi o que disse o chefe em doenças infecciosas dos Estados Unidos e conselheiro de Joe Biden, Anthony Fauci, nesta quarta-feira (15).

“Nossos regimes de reforço de vacina funcionam contra a Ômicron. Nesse ponto, não há necessidade de um reforço específico para a variante”, declarou durante entrevista a repórteres.

Segundo ele, a atividade neutralizante de duas doses da substância da Moderna é “substancialmente baixa” contra a nova cepa, citando dados do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas (NIAID, na sigla em inglês), do qual é diretor.

“No entanto, se você olhar duas semanas após a terceira dose, notará o grau substancial de elevação da posição neutralizante; bem dentro da faixa de neutralização da Ômicron”, acrescentou, ao comentar os resultados do estudo que contou com a colaboração da Moderna.

A BioNTech e a Pfizer disseram, na semana passada, que três doses de sua vacina foram capazes de neutralizar a cepa em um teste de laboratório, mas duas doses resultaram em anticorpos neutralizantes significativamente mais baixos.

A J&J, por sua vez, ainda não divulgou nenhum dado próprio sobre o desempenho de sua vacina contra a nova variante do coronavírus.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

Corte suspendeu uma decisão de 1973 que considerava a interrupção da gravidez como direito.

Mundo

'Estou bem', disse o presidente logo após o pequeno acidente.

Saúde

Especialistas dos órgãos FDA e CDC foram favoráveis; Moderna e Pfizer serão utilizadas.

Política

Menos de dois meses após flexibilização, uso do item em locais fechados volta a ser exigido.