Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

OMS pede que países mantenham fronteiras abertas para africanos

Entidade declarou que o banimento de viagens do continente ‘ataca a solidariedade global’.

UN Photo | Elma Okic

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou nota neste último domingo (28) em que pede ao mundo para reabrir as fronteiras para nações africanas. A manifestação ocorre após vários países suspenderem voos do continente após a detecção de nova variante da Covid-19.

Essas barreiras internacionais deixaram os países da região indignados, sob a alegação de que estariam sendo punidos por terem sido transparentes.

“As restrições de viagem podem ter um papel na redução da propagação da Covid-19, mas colocam um pesado fardo sobre vidas e meios de subsistência”, afirma o escritório da OMS na África.

O comunicado recomenda, por outro lado, que haja medidas de contenção diversificadas, como a ampliação dos testes e o sequenciamento genético da nova cepa.

“Com a variante Ômicron detectada em várias regiões do mundo, o banimento de viagens apenas para a África é um ataque à solidariedade global”, declarou Matshidiso Moeti, diretor do órgão na África. “Só nos recuperaremos deste vírus se trabalharmos juntos para alcançar as soluções”, disse.

“A rapidez e transparência dos governos da África do Sul e do Botsuana em informar o mundo sobre a nova variante é de elogiar. A OMS está com países africanos que tiveram a coragem de compartilhar corajosamente informações de saúde pública que salvam vidas”, complementou.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Últimas

Anvisa diz que resposta sobre venda deve sair no menor tempo possível

Judiciário

Categoria protesta contra desfalque de equipes de saúde na cidade.

Mundo

Decisão foi tomada pelo republicano em seu primeiro dia de mandato.

Últimas

Remessa chegou de madrugada ao Aeroporto de Viracopos, em Campinas.