Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Papa diz que aumento de gastos com defesa após Ucrânia é ‘loucura’

Pontífice defendeu ‘solução diferente’ para equilibrar poder mundial.

© Mazur | Catholic News

O papa Francisco declarou, nesta última quinta-feira (24), que o aumento dos gastos de países do Ocidente com defesa, após a invasão russa na Ucrânia, é uma “loucura”. Na visão do pontífice, uma “solução diferente” deve ser encontrada para equilibrar o poder mundial.

Francisco afirmou durante um evento de coalizão de mulheres que o conflito no Leste Europeu é produto da “velha lógica de poder que ainda domina a chamada geopolítica”.

Segundo o líder máximo da Igreja Católica, a verdadeira resposta não está em mais armas nem em mais sanções.

“Fiquei envergonhado quando li que um grupo de Estados se comprometeu a gastar 2% do Produto Interno Bruto [PIB] na aquisição de armas como resposta ao que está acontecendo agora. Loucura”, discursou.

A Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) instituiu a meta de 2% do PIB de cada Estado-membro para gastos em defesa. Muitos ficaram aquém nos últimos anos, causando contrariedade aos Estados Unidos.

A Alemanha anunciou, no mês passado, que aumentaria drasticamente os gastos com defesa para mais de 2% do PIB, em uma mudança de política provocada pelo atual conflito.

Uma das maiores potências militares da Europa, a França anunciou que atingirá a meta de gastos de 2% ainda neste ano. Outras nações também decidiram aumentar suas despesas em vários níveis.

Francisco defendeu que o planeta encontre “uma maneira diferente de governar o mundo globalizado, não mostrando os dentes, como é feito agora, mas estruturando as relações internacionais”.

Desde o início da guerra, o papa tem criticado implicitamente Moscou, condenando o que chama de “agressão injustificada” e denunciando “atrocidades”, mas não citando a Rússia especificamente.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

Presidente do país fez uma visita aos homens de frente de batalha em Kharkiv.

Mundo

Líder da Igreja Católica diz que é preciso mais transparência para manter a confiança dos fiéis.

Mundo

Cenário ficará muito pior para a zona do euro se a União Europeia interromper importações.

Mundo

Embarcação russa sempre foi conhecida por sua capacidade altamente destruidora.