Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Suspeito de jogar ovo em Macron é internado em clínica psiquiátrica

Laudo médico apontou “ausência de discernimento”.

Rémi Jouan | CC-BY-SA | GNU

Um estudante de 19 anos, acusado de atirar um ovo no presidente Emmanuel Macron, da França, foi internado em um centro psiquiátrico.

Conforme antecipou o Conexão Política, o ato aconteceu na manhã desta segunda-feira (27), durante visita do mandatário ao Salão Internacional da Restauração, da Hotelaria e da Alimentação.

Nesta terça, 28, a Promotoria de Lyon anunciou a medida.

O Ministério Público solicitou um exame psiquiátrico. Segundo uma nota oficial, laudos médicos indicam ”ausência de discernimento”.

Até o momento, o suspeito segue internado.

Outros incidentes

Na campanha à presidência em 2017, Emmanuel Macron recebeu um ovo na cabeça durante agenda.

Recentemente, em 8 de junho, o líder francês levou um tapa no rosto, durante uma visita a uma localidade ao sul de Lyon.

À época, o responsável pela agressão recebeu pena de quatro meses de prisão.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Mundo

Medida foi aprovada por 214 votos a 93

Últimas

Presidente aguarda atendimento do cirurgião Antônio Luiz de Vasconcellos Macedo, que o acompanha desde 2018.

Governo

De acordo com os médicos, há suspeita de obstrução intestinal.

Mundo

Presidente francês cobrou 'cooperação' e 'ambição' na proteção da Amazônia.