Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Talibã recusa ajuda dos EUA no combate ao Estado Islâmico

Representantes do grupo extremista e da Casa Branca estão reunidos no Qatar.

Faces Of The World | Flickr

Os talibãs recusaram qualquer cooperação com os Estados Unidos para conter o Estado Islâmico no Afeganistão, demonstrando uma posição intransigente sobre uma questão central antes das primeiras conversações desde que os americanos saíram do país em agosto.

Altos funcionários do grupo extremista e representantes do governo Joe Biden estão reunidos neste domingo (10) em Doha, capital do Qatar. Ambos os lados afirmaram que as questões em discussão incluem o controle do terrorismo e a retirada de cidadãos estrangeiros e afegãos do país.

Inicialmente, os talibãs garantiram que haveria flexibilidade nos diálogos. No entanto, o porta-voz político Suhail Shaheen informou que não haveria qualquer colaboração com os EUA para conter o Estado Islâmico, cada vez mais ativo no país e que tem assumido a autoria de atentados recentes.

“Somos capazes de enfrentar o Daesh sozinho”, respondeu Shaheen ao ser questionado se haveria trabalho em conjunto com a Casa Branca para conter os membros do EI, segundo informações da Rádio e Televisão de Portugal (RTP).

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

Ditador comunista fez discurso em evento do aniversário do armistício que interrompeu a Guerra da Coreia em 1953.

Mundo

Alta de juros para combater níveis recordes de inflação influenciou resultado.

Mundo

Países são dois dos principais mercados para os produtos siderúrgicos do Brasil.

Mundo

Acusação consta em relatório anual do Departamento de Estado americano.

----- CLEVER ADS -----