Conecte-se conosco

Mundo

Terroristas do Hamas pagarão “preço muito alto”, diz Netanyahu

Publicado

em

Tânia Rêgo | Agência Brasil

As ofensivas do grupo terrorista palestino Hamas contra Israel se intensificaram na madrugada desta quarta-feira (12).

O Israel Defense Forces (IDF) informou que o país reagiu aos bombardeios com “o maior ataque desde 2014”. O órgão defesa disse que foram mais de 1.050 foguetes lançados pelo Hamas em 38 horas de confronto.

Na noite desta terça-feira (11), o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, advertiu que os terroristas do Hamas pagariam um “preço muito alto” pelos ataques ao país.

“Estamos no auge de uma campanha de peso”, disse o chefe de Estado durante pronunciamento feito ao lado de Benny Gantz, ministro da Defesa.

“Eu tenho recebido atualizações o dia todo sobre o que está acontecendo aqui […] e vejo a situação como extremamente grave. Isso é anarquia de desordeiros que não podemos aceitar”, disparou Netanyahu.

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).