Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Venezuela aumenta salário mínimo, que continua sendo o menor da América Latina: menos de 4 dólares

Valor é insuficiente para comprar um quilo de carne.

Brasília - O chanceler da Venezuela, Nicolas Maduro, acompanhado do chanceler Brasileiro, Antonio Patriota e do secretário para assuntos internacionais, Marco Aurélio Garcia, fala com a imprensa após se reunir com o presidente Lula

No último sábado (1º), por ocasião da comemoração do Dia do Trabalho na Venezuela, o regime socialista de Nicolás Maduro decretou um ‘aumento’ do salário mínimo para 10 milhões de bolívares (VES), o que equivale a menos de 4 dólares, segundo a taxa oficial do banco da Venezuela (2.746.151,81 VES).

De acordo com o ministro do Trabalho venezuelano, Eduardo Piñate, o novo salário mínimo será composto por 7 milhões de bolívares e o bônus alimentação de 3 milhões de bolívares, totalizando 10 milhões.

Mesmo com o aumento anunciado pelo regime socialista, a Venezuela continua sendo o país da América Latina com o menor salário mínimo, seguido por Cuba (US $ 79) e Haiti (US $ 88). No Chile, o salário é de US $ 441; no Equador, US $ 400; na Colômbia, US $ 261; no Peru, US $ 257; na Argentina, US $ 243; e no Brasil, US $ 207, de acordo com o Statística.

Salario mínimo mensal em países da América Latina em 2021 (em USD) | Imagem: Statista

Este não é o primeiro aumento de salário mínimo na Venezuela. Em março deste ano foi executado outro reajuste salarial sem anúncio público, sem nota no Diário Oficial e por meio do questionado ‘Sistema Pátria’.

De acordo com documentos a que o El Nacional teve acesso em 8 de março, o salário mínimo estava fixado em 1.800.000 bolívares naquela época.

O anterior era de 1.200.000 bolívares e vigorou desde os últimos meses de 2020 sem ter sido tornado público ou publicado no Diário da República.

O que pode-se comprar com o novo salário mínimo venezuelano?

De acordo com os preços obtidos pelo Primer Informe, com o novo salário da ditadura venezuelana, pode-se comprar um saco de farinha de milho no valor de 2.000.000 bolívares, meia dúzia de ovos que custa 5.000.000 bolívares e meio quilo de queijo que custa 3.500.000 bolívares.

Até sexta-feira (7), o salário mínimo na Venezuela era de 1.800.000 bolívares, que ao câmbio oficial era de 0,63 dólares, e o vale-alimentação correspondia ao mesmo valor, então o rendimento integral mínimo era de 3.600.000 bolívares. Isso representa um aumento de 177,78%.

“Honramos a resistência e a firmeza da classe trabalhadora venezuelana, força e motor que impulsiona o país para o crescimento e o desenvolvimento. Vocês têm um presidente operário para lutar pelos direitos conquistados na revolução, que pretendem tirar de nós”, escreveu o ditador Nicolás Maduro em mensagem aos trabalhadores do país.

 

Comentários

Cristã e Correspondente Internacional na Europa.

Mundo

Nesta terça-feira (30), a Rússia reiterou a parceria estratégica com o Brasil e comemorou a entrada do país, em janeiro de 2022, no Conselho...

Mundo

Ditador afirma que declarações do brasileiro sobre a Covid-19 são “loucuras típicas de um extremista de direita”.

Governo

Com apoio russo, ditador socialista realiza mobilização de um grande exercício militar na região.

Mundo

Alex Saab estava detido em Cabo Verde desde o ano passado por acusações de lavagem de dinheiro.