Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Bolsonaro nega ter pedido ajuda a Biden para reeleição

Mandatário diz que o assunto é ‘especulação’ da imprensa.

Alan Santos | PR

O presidente Jair Bolsonaro (PL) negou, nesta segunda-feira (13), que tenha sinalizado algum tipo de ajuda ao presidente norte-americano, Joe Biden, no processo eleitoral brasileiro.

Ao falar sobre a reunião bilateral realizada na última quinta-feira (9), em Los Angeles, nos Estados Unidos, durante a Cúpula das Américas. No sábado (11), a agência Bloomberg ventilou, sem citar fontes declaradas, que Bolsonaro pediu ajuda a Biden para se reeleger.

Segundo a mídia internacional, o brasileiro teria dito, inclusive, que Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é um esquerdista radical e perigoso para os interesses americanos no Brasil.

Procurada, a Casa Branca se recusou, por ora, a comentar sobre o assunto.

“Olha, não existe isso daí. Teve uma reunião que chama de bilateral ampliada, no total umas 20 pessoas presentes, foram 30 minutos de conversa e depois pedimos uma reservada com o Joe Biden. Nessa reservada, tinha eu, o ministro Carlos França, do Brasil, nosso embaixador; do lado do Biden, tinha o embaixador dele e uma intérprete. O que nós tratamos ali é reservado. Cada um pode falar o que bem entender. Agora, não citam fontes. ‘Segundo tal pessoa…’. O que eu conversei com o Biden não sai de mim e não sai do Carlos França”, explicou Bolsonaro em entrevista à CBN Recife.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Política

Em entrevista, peruano diz que o líder petista tem uma imagem negativa e ligada à escândalos.

Política

É a segunda entrevista consecutiva que o mandatário concede a um canal do Youtube.

Judiciário

Associação alega que há uma inércia do Procurador-Geral da República.

Política

Desinformações circulam nas redes sociais desde o último fim de semana.

----- CLEVER ADS -----