Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Bolsonaro volta a defender abertura de CPI da Petrobras

Base governista segue alinhada com os anseios do mandatário.

Divulgação | PR

O presidente Jair Bolsonaro (PL) voltou a defender a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar a Petrobras.

Ao falar com apoiadores na entrada do Palácio da Alvorada, em Brasília, o chefe do Executivo Federal confirmou que o governo federal tem feito articulações para instalar o colegiado. Segundo Bolsonaro, a alta recente no preço dos combustíveis é “abuso” inaceitável.

— Eu estou acertando uma CPI da Petrobras. “Ah, você que indicou o presidente”. Sim, mas eu quero uma CPI. Por que não? Se não deve nada, investiga o cara — afirmou.

A fala do mandatário entra em rota de convergência com o que tem dito o presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PL-AL).

Em recente entrevista, Lira garantiu que não vai se opor em eventual instalação da CPI contra a estatal.

— Os partidos estão, cada um, com seu convencimento para dar respaldo ou não a esse pedido. CPI é algo lícito, normal. Com relação a isso, temos o regimento a cumprir — explicou o parlamentar.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Política

Os dois principais nomes aparecem isoladamente na liderança da corrida ao Planalto.

Congresso

Há pelo menos quatro pedidos de abertura de investigação na Casa.

Política

Comunicadora diz cortes do governo federal em verbas de publicidade incomodam os meios de comunicação.

Governo

Indicado pelo governo federal, ele foi eleito com 7 votos favoráveis e 3 contrários.