Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Biden autoriza transações para operar com portos e aeroportos venezuelanos

O Governo Biden autorizou nesta terça-feira (2) algumas transações com a ditadura socialista venezuelana de Maduro para operar com portos e aeroportos daquele país, marcando uma mudança de política do governo de Joe Biden em relação ao de seu antecessor Donald Trump.

O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos emitiu a licença 30A, que permite tratar com o Instituto Nacional de Espaços Aquáticos (INEA) da Venezuela, ou qualquer entidade de sua propriedade, para viabilizar operações portuárias e aeroportuárias ordinárias, o que foi proibido em agosto de 2019 pelo Governo Trump.

A nova licença, entretanto, não autoriza qualquer transação ou atividade relacionada à exportação ou reexportação de diluentes, chave para a Venezuela processar seu petróleo pesado, bem como qualquer transação com pessoas ou entidades sujeitas a sanções do governo americano.

Esta é a primeira medida de Biden a respeito do regime de sanções impostas contra Caracas por Trump, para pressionar a saída do poder do ditador Nicolás Maduro, cujo governo não é reconhecido por Washington em decorrência de eleições fraudulentas.

Maduro, que rompeu relações com os EUA há dois anos, afirmou que espera ter canais “decentes” de diálogo com Biden.

Comentários

Correspondente internacional na Europa.

Política

Conforme o levantamento, cresceu o número de pessoas que não se classificam “nem de direita, nem de esquerda, nem de centro”.

Economia

Aumento está relacionado à expansão do comércio online, diz associação.

Política

Foram apreendidos quase R$ 2 milhões na residência de Adriana Belém

Política

Prazo também vale para pagamento da primeira cota