Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Mais de 30 mil criminosos saíram da prisão por causa do coronavírus

O Departamento Penitenciário Nacional (Depen), do Ministério da Justiça e Segurança Pública, estima que mais de 30 mil presos saíram da prisão após recomendação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que prevê a liberdade condicional ou prisão domiciliar a quem estiver no grupo de risco do novo coronavírus.

A medida visa evitar a superlotação penitenciária e diminuir os riscos de contágios entre detentos e funcionários das unidades.

Desde o ofício do CNJ, diversos juízes determinaram a saída da prisão de presos enquadrados no grupo de risco da Covid-19, seja por conta da idade avançada, pelo histórico de doenças crônicas ou pelo risco de superlotação nos presídios.

A medida beneficiou, entre outros, o “doleiro dos doleiros” Dario Messer, investigado na ‘Câmbio, Desligo’, o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha e levou a Lava Jato de SP a pedir domiciliar ao ex-diretor da Dersa, Paulo Vieira de Souza.

O Depen afirma que tem acompanhado com preocupação as decisões judiciais e estima, sem especificar a base do cálculo, que 30 mil presos teriam sido soltos. “Considerando o número elevado de pessoas que saíram dos estabelecimentos penais, em alguns casos, até mesmo sem a utilização de tornozeleiras eletrônicas, solicitamos que os dados dos presos, inclusive seus endereços de prisão domiciliar, bem como a localização dos monitorados eletronicamente, sejam informados às polícias dos respectivos Estados para que seja providenciada a devida fiscalização aleatória do cumprimento dessas prisões domiciliares, notadamente para os casos mais graves”, anotou o Depen em ofício enviado às secretarias estaduais.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Pesquisas de intenções de voto mostram que Moro ocupa a terceira posição na disputa pela Presidência.

Judiciário

Ministro Bruno Dantas vai avaliar se encaminha a solicitação ao Banco Central.

Política

Petista voltou a dizer que foi vítima de uma 'farsa'.

Política

Ex-juiz apoiará Arthur do Val na disputa pelo governo paulista.