Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

PRF apreende 600 mil maços de cigarros no Piauí

Carga está avaliada em mais de R$ 2 milhões, segundo policiais

Ascom PRF / Reprodução

A polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu nesta segunda-feira (10), no Piauí, cerca de 600 mil maços de cigarros contrabandeados, acondicionados em 1,2 mil caixas. Carga que, segundo os investigadores, está avaliada em mais de R$ 2 milhões. Esta é a maior apreensão de cigarros contrabandeados dos últimos dois anos pela PRF no estado.

Em Batalha, PRF apreende cargas de cigarros contrabandeados avaliadas em mais de R$ 2 milhões.

Em Batalha, PRF apreende cargas de cigarros contrabandeados avaliada em mais de R$ 2 milhões. – Ascom/PRF

A mercadoria foi encontrada em dois caminhões que estavam em comboio, “trafegando em velocidade incompatível com a rodovia, saindo da BR-343 sentido Batalha (PI)”, informou em nota a PRF. Uma equipe de policiais então fez a abordagem do primeiro veículo.

Os policiais perceberam nervosismo no motorista, que logo em seguida desobedeceu a ordem de parada e iniciou uma tentativa de fuga. Ao perceber a tentativa de abordagem do primeiro veículo, o condutor do segundo veículo também tentou fugir aumentando consideravelmente a velocidade e desobedecendo diversas ordens de parada.

“Durante o acompanhamento tático, os motoristas dos veículos fizeram diversas manobras perigosas, como, transitar pela contramão, movimentos de zigue-zague, dentre outros, que colocaram em risco outros condutores. Após mais alguns quilômetros, o condutor do caminhão da frente realizou uma frenagem brusca e perigosa, desembarcou do caminhão e saiu correndo em direção ao matagal. Junto dele também desceu um passageiro”, diz a nota da PRF.

Estratégia similar foi adotada pelo condutor do outro veículo. A PRF então solicitou apoio da Polícia Militar de Batalha para dar início às buscas na região visando a captura dos suspeitos, que até o momento não foram encontrados.

Com informações, Agência Brasil.

Comentários

FALE COMIGO: davy@conexaopolitica.com.br — chefe de redação do Conexão Política e natural do Rio de Janeiro (RJ).

Política

Menos de dois meses após flexibilização, uso do item em locais fechados volta a ser exigido.

Judiciário

Decisão foi proferida após pedido do Ministério Público Federal.

Judiciário

Secretarias de segurança deverão se manifestar em 15 dias.

Últimas

Corporação abriu processo disciplinar contra os agentes envolvidos no caso.

----- CLEVER ADS -----