Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

“Vamos usar todos os esforços e meios para aniquilar o crime organizado”, diz Witzel

Imagem: Fernando Frazão | Agência Brasil

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), afirmou nesta quarta-feira que combate ao crime organizado será intensificado no estado.

No sepultamento do soldado Daniel Henrique Mariotti, morto após tentar impedir um assalto na linha amarela, Witzel afirmou que os criminos estão há anos aterrorizando a população e que medidas eficientes precisam ser aplicadas para a ordem ser restabelecida.

A morte do policial Mariotti, morto de qualquer cidadão, sempre vai resultar em ações da polícia Civil, Militar e Administração Penitenciária. Nós não vamos permitir que o crime organizado continue barbarizando a nossa sociedade. Vamos agir, sim, cada vez mais coordenados, com mais reforços, com mais técnicas, e nós temos a convicção de que vamos vencer o crime organizado. O Estado é mais forte que eles e nós vamos usar todos os esforços e meios para aniquilar e asfixiar esse crime organizado“, assegurou Witzel.

O governador disse que todas medidas necessárias foram realizadas.

Eu fiz a minha parte. A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros tomaram as providências para providenciar um neurocirurgião. Tivemos, por alguns instantes, a esperança de que ele seria submetido à cirurgia e eu mesmo estive ali com o seu Jorge, pai dele, ali, orando com a sensação de que poderíamos ter uma vitória“, concluiu.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Judiciário

Adriana Belém está detida no Instituto Penal Oscar Stevenson, em Benfica.

Últimas

Flagrada com R$ 1,7 milhão, Adriana Belém passou a noite na Corregedoria da Polícia Civil.

Política

Foram apreendidos quase R$ 2 milhões na residência de Adriana Belém

Política

Vereador carioca responde a uma ação no Conselho de Ética por quebra de decoro.