Conecte-se conosco

Judiciário

Moraes determina que YouTube remova vídeo de Daniel Silveira, sob pena de multa diária de R$ 100 mil

Publicado

em

Fábio Rodrigues Pozzebom | Agência Brasil

Na mesma decisão em que determinou a prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), ordenou que o YouTube seja oficiado para “imediato bloqueio da disponibilização do vídeo, sob pena de multa diária de R$ 100 mil”.

Conforme noticiamos, Moraes mandou prender em flagrante, na noite desta terça-feira (16), o deputado Daniel Silveira.

A decisão, segundo ele, se justificava em função de um vídeo de 19 minutos, publicado nas redes sociais do parlamentar, em que o mesmo critica os seguintes ministros do STF: Edson Fachin, Luiz Roberto Barroso, Gilmar Mendes, Dias Toffoli e o próprio Moraes.

Veja abaixo trecho da decisão:

Imagem: Reprodução

Jornalista, professor e comentarista político. Cobre os bastidores de Brasília no Conexão Política.