Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Talibã nomeia porta-voz e pede para discursar na Assembleia da ONU

Participação do grupo extremista precisa ser aprovada por um comitê das Nações Unidas.

The U.S. Army | Flickr

O regime extremista do Talibã nomeou o porta-voz Suhail Shaheen e pediu para discursar aos líderes mundiais na Assembleia-Geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

Nesta terça-feira (21), Shaheen solicitou ao secretário-geral da entidade, Antonio Guterres, para falar como embaixador do Afeganistão, segundo informações da Reuters.

A ação enfrenta o embaixador da ONU em Nova York, Ghulam M. Isaczai, que representava o governo afegão antes de o grupo islâmico tomar o poder em Cabul. Na carta, o Talibã afirma que a missão do diplomata está encerrada. “Ele não representa mais o Afeganistão”, diz o texto.

Isaczai discursará no último dia da reunião, na próxima segunda (27), e deverá permanecer no posto pelo menos até a próxima reunião do comitê das Nações Unidas, marcada para outubro.

Se a ONU aceitar a solicitação do Talibã, dará o primeiro reconhecimento internacional ao grupo terrorista, que busca liberar fundos em instituições internacionais com a justificativa de reaquecer a já vulnerável economia afegã.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Exclusivo

Entidade alega gravidade nos casos recentes de violência policial no país.

Mundo

Preocupações da entidade foram consideradas 'infundadas' pelos extremistas.

Mundo

Comitê aponta que o ex-juiz foi parcial no julgamento dos processos contra o esquerdista.

Mundo

Comitê de Direitos Humanos julgou representação apresentada pelo ex-presidente.

----- CLEVER ADS -----