Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Governo

Mourão diz que Bolsonaro fez ‘mea-culpa’ e elogia ‘grandeza moral’ do presidente

Vice afirmou enxergar ‘caminho aberto’ para diálogo entre Executivo e Judiciário.

Romério Cunha | VPR

O vice-presidente da República, Hamilton Mourão, afirmou nesta sexta-feira (10) que o presidente Jair Bolsonaro teve “grandeza moral” ao divulgar uma nota em que pede diálogo entre os poderes da República.

O general elogiou o chefe do Executivo por entender ter usado “palavras fortes” para se referir ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

“O presidente teve a grandeza moral de entender e colocou por escrito que usou palavras fortes de que ele foi tomado pela emoção do momento, o calor da disputa, vamos falar assim. Fez o seu mea-culpa”, declarou Mourão a repórteres em Belém/PA.

“Ele [Bolsonaro] teve uma conversa preliminar com ministro Alexandre de Moraes e consequentemente eu vejo um caminho aberto para que se retome o diálogo entre os dois poderes, um diálogo respeitoso, cada um atuando na sua esfera de atuação”, acrescentou.

Para o vice, era preciso “ceder” em nome da “harmonia” entre as instituições brasileiras.

“Nessa tensão que havia sido estabelecida competia a ambos buscar uma forma de distensionar apaziguando os ânimos e, vamos dizer o seguinte, cedendo. Cada um ceder em nome da harmonia geral dentro do país porque não é bom para o país ficar numa situação onde a gente não sabe o que vai acontecer amanhã. O presidente tomou essa iniciativa”, avaliou.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Governo

Mandatário manifestou preocupação sobre o assunto.

Política

Tom da fala já vem sendo ecoado pelo mandatário há cerca de dois meses.

Governo

Declarações ocorreram nesta segunda (22), em Brasília.

Política

Tratativas visam avançar interesses em torno da entrada do mandatário na sigla.