Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

Bolsonaro pode ser enquadrado em crime de responsabilidade, caso descumpra decisão de Moraes

Depoimento à PF deve ser realizado nesta sexta.

Alan Santos | PR

A coluna Radar, da Veja, afirma ter ouvido fontes do STF, que dizem que o presidente Jair Bolsonaro (PL) pode ser enquadrado por crime de responsabilidade, caso descumpra a decisão do ministro Alexandre de Moraes.

O magistrado do Supremo determinou que o chefe do Executivo federal preste depoimento nesta sexta-feira (28) no inquérito que apura o vazamento de documentos sigilosos em uma transmissão do presidente em redes sociais.

O ministro também retirou o sigilo da investigação e ordenou que, após o interrogatório, a PF conclua o inquérito.

“Em uma República, o investigado – qualquer que seja ele – está normalmente sujeito ao alcance dos poderes compulsórios do Estado necessários para assegurar a confiabilidade da evidência, podendo, se preciso, submeter-se à busca de sua pessoa ou propriedade, dar suas impressões digitais quando autorizado em lei e ser intimado para interrogatório”, sustenta Moraes na decisão.

Bolsonaro, conforme o parecer, terá que chegar pontualmente às 14h no prédio da Superintendência da Polícia Federal de Brasília.

Ainda segundo a coluna, a delegada Denisse Dias Rosas Ribeiro já foi comunicada oficialmente pela Corte sobre a oitiva do mandatário.

Comentários

Política

Na sondagem espontânea, presidente da República lidera.

Judiciário

7 dos 11 ministros já manifestaram votos contrários.

Últimas

Futuro presidente do TSE falou sobre o processo eleitoral do país.

Judiciário

"Hoje qualquer um se diz especialista", criticou o ministro durante um evento de magistrados.