Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

Jornalista é condenado a indenizar Luciano Hang por danos morais

Em 2018, Luis Nassif escreveu matéria com falsas acusações contra o dono da Havan.

Brasil 247 | Flickr

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) condenou o jornalista Luis Nassif, ex-colunista da Folha de S.Paulo, a pagar R$ 20 mil ao empresário Luciano Hang a título de indenização por danos morais.

Em outubro de 2018, ele publicou um artigo no site GGN intitulado “O que está por trás do terrorismo eleitoral do dono da Havan”. No texto, Nassif acusa Hang de ser “sonegador” e de ameaçar colaboradores.

Num determinado trecho da matéria, ele sustenta que o empresário “se prepara para fechar as portas e aplicar um golpe milionário, inclusive nos funcionários”.

Na decisão judicial, a Corte menciona ofícios da Receita Federal (RFB) e uma decisão colegiada do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que desmentem as falsas acusações do jornalista.

A assessoria de Hang informou que, assim como já acontece em outros processos judiciais, os recursos serão integralmente doados para instituições de caridade. Neste caso, o valor será encaminhado à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de São Paulo/SP.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Nos tribunais, empresário tem conquistado série de vitórias contra outras figuras públicas.

Errata

Balneário Camboriú é apelidada de ‘Dubai brasileira’.

Judiciário

Direitos políticos do ex-prefeito foram restabelecidos.

Mundo

Político gastou quase o dobro dos quase R$ 140 milhões permitidos pela lei eleitoral francesa.