Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

Ministério Público pede afastamento de Helder Barbalho, governador do Pará

Coletiva com Governador do Estado do Pará Helder Barbalho

O governador do Pará, Helder Barbalho (MDB), está na mira no Ministério Público do estado (MPPA). Nesta última quarta-feira (31), o órgão ingressou na Justiça com um pedido de afastamento do mandatário por irregularidades na compra de bombas de infusão chinesas destinadas ao tratamento da covid-19.

De acordo com a petição encaminhada ao Judiciário, o chefe do Executivo estadual agiu ilegalmente ao efetuar o pagamento pelos insumos de forma adiantada e sem a certeza de entrega. Além disso, o órgão afirma que a Secretaria de Saúde Pública do Estado assinou contratos sem exigir as devidas documentações.

O MP alega que, por conta dessas irregularidades, os cofres públicos foram lesados em R$ 3,5 milhões. Os procuradores pedem indenização por danos morais coletivos, a indisponibilidade dos bens dos acusados e a quebra dos sigilos bancário e fiscal.

No ano passado, a Polícia Federal (PF) cumpriu mandados contra o então secretário de Saúde, Alberto Beltrame, e o próprio governador Helder Barbalho.

OUTRO LADO

Em nota oficial, o governo do Pará afirmou que trata-se de “mais uma ação política do procurador geral Gilberto Valente”, que “cria factoides e persegue o Estado”.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Economia

Aumento está relacionado à expansão do comércio online, diz associação.

Política

Foram apreendidos quase R$ 2 milhões na residência de Adriana Belém

Política

Prazo também vale para pagamento da primeira cota

Política

Operação Calígula cumpre 29 mandados de prisão