Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

Polícia prende suspeito de vandalismo na estátua de Borba Gato, mas Justiça solta

Trata-se do motorista do caminhão que levou pneus e parte do grupo ao local.

ARTExplorer | Flickr

A Polícia Civil de São Paulo prendeu, na madrugada deste último domingo (25), um dos suspeitos pelo ato de vandalismo da estátua do Borba Gato, na zona sul da Capital, informou em nota o governo de São Paulo.

“Durante investigação, equipes do 11º Distrito Policial (Santo Amaro) identificaram o motorista do caminhão que conduziu parte do grupo até local e transportou os pneus. A placa do veículo foi adulterada. As investigações prosseguem para identificar e localizar os demais autores”, diz o texto.

Por volta das 13h30 do sábado (24), um grupo desembarcou de um caminhão e espalhou pneus pela via e nos arredores do monumento, ateando fogo na sequência.

A Secretaria de Segurança Pública informou, por meio de comunicado, que policiais militares e bombeiros chegaram rapidamente ao local e controlaram as chamas e liberaram o tráfego.

Não houve feridos. O caso foi registrado no 11º Distrito Policial (Santo Amaro), que ficará responsável pelas investigações.

ATUALIZAÇÃO

O homem já foi solto por ordem judicial após um pedido ajuizado pela Defensoria Pública do Estado de São Paulo (DPESP).

A decisão foi proferida pela juíza Eva Lobo Chaib Dias Jorge durante o período de plantão.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Saúde

Resposta imune apresentada nesses pacientes é bem mais baixa do que na população em geral.

Judiciário

Chamas iniciaram por volta das 4h. Ninguém ficou ferido, segundo o órgão.

Saúde

Sistema combina três funções importantes: controle motor intuitivo, cinestesia de toque e preensão, a sensação intuitiva de abrir e fechar a mão.

Política

Polícia paulista disse que irá revistar manifestantes. Atos contra o governo foram autorizados por liminar judicial.