Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Judiciário

STJ manda soltar narcotraficante Gordão do PCC, comparsa de André do Rap

Para ministros, criminoso estava preso havia tempo demais sem condenação definitiva.

Reprodução

Por determinação da Sexta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o narcotraficante Fábio Dias dos Santos, conhecido como Gordão do PCC, foi solto na última sexta-feira (26).

Segundo a Polícia Federal (PF) e integrantes da cúpula da segurança pública em São Paulo, ele é um dos principais comparsas de André do Rap, líder da facção que foi colocado em liberdade em outubro de 2020 por determinação do então ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Gordão é apontado como um dos principais chefes do Primeiro Comando da Capital (PCC) e do tráfico de entorpecentes na região da Baixada Santista.

Aos 35 anos, ele possui uma extensa ficha policial e já esteve na lista da Interpol sendo procurado pelas autoridades de 52 países sob a acusação de integrar um esquema de envio de cocaína à Europa e à África através do Porto de Santos.

Ao analisar o caso, os ministros do STJ entenderam de forma unânime que houve o chamado excesso de prazo na prisão preventiva dele, ou seja, que ele estaria detido há muito tempo sem haver sentença condenatória definitiva. Assim, foi permitido que ele aguardasse o julgamento em liberdade.

De acordo com o promotor de Justiça Licoln Gakyia, integrante do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), Gordão do PCC já foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), em 2015, a 15 anos de reclusão em regime fechado.

“Ele foi preso apenas em 2017. Agora, acabou solto por um habeas corpus do Superior Tribunal de Justiça. Ele vai se encontrar e se juntar ao André do Rap e facilitar ainda mais os negócios do PCC e o negócio de tráfico internacional de cocaína”, lamentou.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Últimas

Uma operação conjunta da Receita Federal, Polícia Civil e Polícia Federal, nesta sexta-feira (9), resultou em diversas apreensões simultâneas no Porto de Itaguaí, Região...

Últimas

A Polícia Federal (PF) deflagrou, nesta quarta-feira (30), em São Paulo, a Operação Rei do Crime. O alvo da ação é um braço financeiro...

Últimas

Pela terceira noite seguida a cidade de Minneapolis, em Minnesota, viveu momentos de terror, violência e crimes promovidos por grupos radicais de extrema-esquerda que...

Últimas

A parceira entre os dois países resultou na prisão de Luiz Henrique Boscatto, considerado um dos maiores contrabandistas de cigarros.