Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Elon Musk afirma que vai reverter banimento de Donald Trump do Twitter

Liberdade de expressão será restabelecida no microblog, garante magnata.

Reprodução | Twitter

O empresário Elon Musk afirmou que vai reverter a decisão anterior do Twitter de banir o ex-presidente americano, Donald Trump. A declaração ocorreu nesta terça-feira, 10.

Conforme registramos, o magnata fez uma oferta para comprar a rede social por US$ 44 bilhões e, com a devida conclusão do processo, será o novo da empresa.

Para o bilionário, a medida imposta pela rede do ‘passarinho azul’ não condiz com os princípios relacionados à liberdade de expressão e de pensamento, sendo uma “decisão ruim” tomada pela plataforma. A conta de Trump foi bandida em janeiro de 2020, sendo acompanhada por outras plataformas de mídia social.

— Eu acho que não foi correto banir Trump e eu acho que foi um erro. Alienou uma grande parte do país e não resultou em Trump não ter uma voz — alegou o executivo ao jornal britânico Financial Times.

Matéria em atualização 

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Mundo

Bilionário pretende restaurar a conta do ex-presidente, expulso da plataforma em 2021.

Mundo

Com um histórico de declarações controvérsias, Musk volta a fazer postagens confusas nas redes.

Últimas

O conteúdo intrigante já está entre os assuntos mais comentados do Twitter.

Economia

Bilionário pagará US$ 44 bilhões e a plataforma passará a ser uma empresa de capital fechado.