Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Governo chinês passa a permitir até três filhos por casal

Medida foi adotada em maio, mas aprovada somente agora.

Casino Connection | Flickr

A China autorizou, nesta sexta-feira (20), que cada casal no país poderá ter até três filhos. A nova regra flexibiliza ainda mais a política do filho único, que em 2016 já havia sofrido mudanças a fim de autorizar o nascimento de um segundo filho.

O governo afirma que a decisão foi tomada após dados internos apontarem que a taxa de natalidade no país vem caindo desde 2017. A decisão foi anunciada em maio deste ano por Xi Jinping, mas somente hoje foi aprovada no Congresso Nacional do Povo a lei que formaliza a aplicação da nova política familiar.

O país comunista tem uma população de 1,4 bilhão de habitantes, segundo resultados do censo realizado em 2020. Em comparação ao levantamento feito em 2010, a população cresceu 5,38% (72 milhões de habitantes), de acordo com o Departamento Nacional de Estatísticas.

Na década de 70, a China implementou a política de filho único com a justificativa de desacelerar o crescimento populacional. Quem violasse essa política seria multado, ou a mãe obrigada a abortar.

O governo chinês aposta fortemente nos meios de comunicação do Estado para que a mensagem da política dos três filhos seja bem-sucedida. O jornal People’s Daily, a emissora CCTV e a agência de notícias Xinhua publicam imagens de desenhos animados com crianças felizes, afirmando que a “nova política chegou”.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

País asiático é um dos maiores mercados da gigante norte-americana.

Mundo

Medida segue repercutindo ao redor do mundo.

Economia

Para ele, Magalu pode ser protagonista no processo de digitalização do varejo no país.

Mundo

Regime comunista diz que games devem promover “valores corretos” a serviço do PCC.