Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Japão reconhece Guaidó como presidente interino da Venezuela

O Japão reconheceu nesta terça-feira (19) Juan Guaidó como presidente interino da Venezuela e lamentou que o presidente Nicolás Maduro não tenha convocado eleições, como solicitaram diversos países.

Juan Guaidó é líder da Assembleia Nacional – atualmente sem poder legislativo devido a ditadura de Maduro – e líder da oposição ao ditador.

“Nosso país pediu eleições antecipadas, mas infelizmente as eleições ainda não aconteceram. Considerando as circunstâncias, nosso país apoia claramente o presidente provisório Guaidó. De novo pedimos ao país que celebre eleições livres e justas”, disse o ministro das Relações Exteriores, Taro Kono.

Cerca de 50 países reconheceram Juan Guaidó como presidente interino, entre eles, os Estados Unidos, Brasil e vários países da União Europeia. Apesar disso, Maduro conta com o apoio de aliados históricos como Rússia, China, Turquia, Irã e Cuba.

Nesta segunda-feira (18), o presidente americano Donald Trump exigiu que militares aliados de Maduro apoiem Guaidó. 

“Podem escolher entre aceitar a generosa oferta de anistia do presidente Guaidó e viver sua vida em paz com suas famílias e seus compatriotas”, disse Trump a venezuelanos em Miami, referindo-se aos militares do país. “Se optarem por este caminho (apoiar Maduro), não encontrarão um refúgio, não haverá uma saída fácil. Perderão tudo”.

Comentários

Jornal digital comprometido com a cobertura e a análise das principais pautas sobre política nacional e internacional | FALE CONOSCO: contato@conexaopolitica.com.br

Mundo

Primeiras ações estão previstas para o segundo semestre deste ano.

Últimas

Imigrantes percorrem milhares de quilômetros para fugir do regime bolivariano.

Mundo

Com taxa de 6,7% em março, Argentina se torna o país com maior alta de preços na América Latina.

Últimas

Guerra na Ucrânia desencadeou crise mundial e pode afetar o agro brasileiro.