Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Padre é agredido e preso em meio a protestos em Cuba

Em meio à pandemia, ditadura comunista vive sob escassez de alimentos, medicamentos e liberdade de expressão.

O domingo de 11 de julho de 2021 foi marcado pela violenta repressão do regime cubano contra uma onda de protestos que segue ganhando força no país.

Na cidade de Camagüey, o padre Castor José Álvarez Devesa foi brutalmente atingido pela força policial cubana e preso enquanto defendia manifestantes. O sacerdote está detido na delegacia de Monte-Carlo, em Camagüey, acusado de desordem pública.

Em entrevista à agência de notícias católica ACI Prensa, o padre Rolando Montes de Oca, sacerdote da arquidiocese de Camagüey, disse que é difícil explicar a origem das manifestações que ocorrem em quase todo o país, “mas que há elementos que nos ajudam a entender”.

Leia também: Milhares de cubanos vão às ruas protestar contra a ditadura esquerdista

“A situação econômica neste momento é crítica e ficou ainda mais grave depois das medidas econômicas ditadas pelo governo no início do ano, que foram chamadas de ‘reordenamento econômico’ ou algo assim, e que definitivamente tornou a vida muito mais difícil”, explicou.

“Temos uma inflação fora do comum. Cada vez é mais difícil conseguir produtos de primeira necessidade, como os alimentos. Há uma situação de pobreza material muito séria”, lamentou.

Leia também: Sob regime comunista, Cuba enfrenta recorde de casos de Covid-19, escassez de luz e comida

Além da crise econômica, os cubanos também estão sofrendo pela pandemia da covid-19, conforme antecipou o Conexão Política.

A situação do país já enfrentava níveis preocupantes, mas se agravou ainda mais após os primeiros registros da doença, acentuando a escassez de comida e itens de primeira necessidade. Informações do Conselho para a Transição Democrática denunciam que Cuba vive em uma ‘crise humanitária’ devido ao aumento das infecções. O grupo exige ainda que as autoridades estabelecessem um corredor humanitário de ajuda.

No contexto recente, cidadãos cubanos estão sendo obrigados a formar filas para se abastecerem com alimentos, assim como também sofrem com a escassez de medicamentos e substâncias farmacêuticas. Há também relatos de racionamento de energia e cortes de internet em várias partes do país.

“Estamos em plena crise da covid-19. Há muitas notícias circulando sobre pessoas que morrem, que não recebem a assistência médica que requerem, os hospitais entraram em colapso, circulam imagens de doentes nos corredores, inclusive em macas no chão”, completou o padre Montes de Oca.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Saúde

Sistema combina três funções importantes: controle motor intuitivo, cinestesia de toque e preensão, a sensação intuitiva de abrir e fechar a mão.

Mundo

Nova resolução do regime comunista visa inibir publicações que atinjam dirigentes do governo cubano.

Governo

Segundo o governo, trata-se de um ataque ransomware, em que os invasores geralmente pedem dinheiro em troca de dados sequestrados.

Judiciário

Ela é acusada de ser a mandante do assassinato do próprio marido.