Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Papa quer auditorias anuais em igrejas para combater abuso de crianças

Líder da Igreja Católica diz que é preciso mais transparência para manter a confiança dos fiéis.

Mazur | CatholicNews | Flickr

O papa Francisco pediu na sexta-feira (29) auditorias anuais para avaliar como as igrejas católicas ao redor do mundo estão implementando medidas para proteger crianças do abuso sexual de sacerdotes, dizendo que, sem mais transparência, os fiéis continuarão a perder confiança.

“Abusos de qualquer forma são inaceitáveis”, declarou o chefe de Estado a membros da Comissão Pontifícia para a Proteção de Menores, que foi estabelecida em 2014 para promover melhores práticas e uma cultura de proteção em todo o mundo.

A comissão teve um início complicado, com a renúncia de vários membros que reclamaram que o órgão não tinha força e de que haviam encontrado resistência interna.

O colegiado recebeu uma nova concessão em março deste ano, quando a Constituição atualizada do Vaticano o colocou no departamento doutrinal, que decide casos de abusos.

Francisco disse que queria um “relato confiável anual sobre o que está sendo feito no presente e o que precisa mudar” para proteger crianças e adultos vulneráveis de crimes sexuais.

“Esse relatório será um fator de transparência e responsabilidade e, eu espero, irá oferecer uma auditoria clara de nosso progresso nessa iniciativa”, defendeu o pontífice.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

Pontífice defendeu 'solução diferente' para equilibrar poder mundial.

Mundo

Ele falou após a oração do Angelus, na Praça de São Pedro

Mundo

Pontífice destacou que não se pode fechar os olhos para conflitos que "parecem nunca ter fim".

Mundo

O líder da Igreja Católica encerrou nesta segunda-feira sua visita à Grécia.