Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Político nepalês do Partido Comunista é preso por assédio e estupro de funcionária do parlamento federal

No domingo (6), um político de destaque no Nepal, pertencente ao Partido Comunista do Nepal (PCN), foi preso por assediar e estuprar uma funcionária do secretariado do parlamento federal em sua residência.

O estupro ocorreu em 29 de setembro, quando o parlamentar Krishna Bahadur Mahara estava bêbado. A vítima sofreu várias contusões pelo ataque.

A vítima de estupro ligou diretamente para uma mulher da Câmara dos Deputados, Uma Regmi Adhikari, e por telefone, pediu justiça e apoio legal.

“Eu não esperava que chegasse a isso. Ele me agarrou e só saiu quando eu disse que ligaria para a polícia”, disse a vítima em entrevista a um site de notícias nepalês.

Krishna Bahadur Mahara era presidente do parlamento. Ele renunciou em 1 de outubro de 2019 por causa da alegação de estupro. O parlamentar também ocupou vários cargos ministeriais no passado, como o de Ministro da Informação e Comunicação no Governo do comunista Prachanda.

Mahara nega todas as alegações.

Comentários

Correspondente internacional na Europa.

Mundo

O Pornhub, o maior site pornô do mundo, está sob muita pressão por causa das alegações de que está fechando os olhos para a...

Últimas

A polícia prendeu, na madrugada desta terça-feira (18), o homem acusado de estuprar a menina de 10 anos no Espírito Santo. A detenção foi...

Últimas

Terminou há pouco o procedimento de interrupção da gravidez da menina de 10 anos que estava grávida após ser estuprada pelo tio. Os abusos...

Coluna

O que mais me deixou surpreso nisso tudo, foi um tweet de uma militante progressista aleatória anunciando, com uma perversa dose de entusiasmo de...