Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Presidente da Argentina receberá Lula com honras de chefe de Estado

No país vizinho, petista participará de ato com Alberto Fernández e Cristina Kirchner.

Instituto Lula | Flickr

Após ser considerado “Ficha Limpa” pelo Supremo Tribunal Federal (STF) com a anulação de processos que tramitavam na Justiça Federal em Curitiba (PR), o ex-presidente Lula da Silva (PT) decidiu ingressar em ritmo de campanha, de olho nas eleições de 2022.

Após fazer viagens pelo Brasil e também pela Europa, o ex-condenado viajará para a Argentina, onde será homenageado em um evento sobre direitos humanos.

A cerimônia será conduzida pelo presidente do país, Alberto Fernández. De acordo com o site do PT, a visita ao país sul-americano servirá para reconhecimento de esforços contra “o abuso da Justiça para alcançar fins políticos e ilegítimos”.

Em solo argentino, Lula ainda se reunirá com Fernández e Kirchner na Casa Rosada, sede do Executivo, e será recebido com honras de chefe de Estado.

A agenda também prevê encontros com dirigentes da Confederação Geral do Trabalho (CGT), da Central de Trabalhadores Argentinos (CTA) e outros movimentos sindicais.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Petista voltou a criticar a política pró-armas defendida pelo governo Bolsonaro.

Política

Hashtag ocupou os 'Trending Topics' da rede social no país.

Política

Petista voltou a dizer que foi vítima de uma 'farsa'.

Política

Governista acredita no crescimento de Bolsonaro durante a campanha eleitoral.