Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Suprema Corte dos EUA derruba lei de Nova York e amplia direito ao porte de armas em público

Resolução é a mais relevante sobre o assunto no país desde 2010.

RCP

A Suprema Corte dos Estados Unidos considerou, nesta quinta-feira (23), inconstitucional a lei estadual de Nova York que exigia uma “justa causa” para que proprietários de armas pudessem ter o direito de portar o dispositivo em público para autodefesa.

O tribunal americano definiu que a normal viola a 14ª emenda da Constituição do país, que diz que nenhum estado pode “fazer ou aplicar leis que anulem os privilégios ou imunidades de cidadãos dos Estados Unidos”.

Por 6 votos a 3, os juízes definiram que a lei de Nova York viola os direitos descritos na Segunda Emenda americana, que concede à população o direito de possuir e portar armas.

Com a decisão, a expectativa é que a mudança alcance estados como Califórnia, Havaí, Maryland, Massachusetts, Nova Jersey e Rhode Island, que também possuem legislação semelhante.

O parecer é tido como histórico, visto que a resolução vem à tona no momento em que o país enfrenta uma onda de tiroteios e massacres com armas de fogo. A preocupação com o direito à legítima defesa vem aumentando expressivamente no país.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Mundo

Das seis principais competidoras, quatro têm menos de 17 anos; a mais nova é uma menina de 10.

Mundo

Queda mais acentuada ocorreu entre jovens adultos, 'progressistas' e simpatizantes do Partido Democrata.

Mundo

Tiroteio no estado do Texas deixou pelo menos 21 mortos entre crianças e adultos.

Mundo

Medida visava garantir direito abortivo em nível federal.