Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Mundo

Venezuela terminará 2021 como o país mais pobre da América Latina

País comandado pelo ditador Nicolás Maduro já tem números piores do que o Haiti.

Fabio Rodrigues Pozzebom | Agência Brasil

O Haiti sempre foi conhecido por ser o país mais pobre das Américas. A ilha caribenha, historicamente devastada por terremotos e imersa em conflitos políticos, se acostumou com o poder do crime organizado e com o colapso permanente.

No entanto, quando 2021 acabar, a Venezuela ocupará o posto de nação mais pobre do continente. As estimativas foram divulgadas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI).

O país socialista, de 28 milhões de habitantes, com uma das maiores reservas petrolíferas do mundo, amarga a menor renda per capita da região: US$ 1.627 — atrás do Haiti, com US$ 1.690.

Para se ter uma ideia do quanto o regime bolivariano regrediu, a renda per capita há 10 anos era de US$ 12,1 mil. O resultado catastrófico não fez analisas econômicos reagirem com surpresa, já que as finanças da Venezuela vem colapsando há anos.

Na visão de Erik de Bufalo, professor da Universidade Simón Bolívar, a política econômica chavista é a grande responsável pela atual situação.

“Para um país que já teve a terceira maior economia da região, essa situação é lamentável. Mas não é uma surpresa, porque o modelo de exploração chavista tem levado a isso”, afirmou, acrescentando que, nos últimos 7 anos, o Produto Interno Bruto (PIB) venezuelano caiu 81,8%.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Governo

Ministro da Economia disse que técnicos do órgão terão de fazer 'previsão em outro lugar'.

Governo

Com apoio russo, ditador socialista realiza mobilização de um grande exercício militar na região.

Mundo

Empreiteira brasileira obteve vantagens por meio de contratos no país socialista.

Política

Câmbio, inflação e desigualdade permanecem como desafios.