Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Aécio desiste de concorrer ao Senado para tentar reeleição como deputado

Mesmo líder das pesquisas, tucano abriu mão da disputa após acordo com PDT.

Elaine Menke | Agência Câmara

O deputado federal Aécio Neves (PSDB-MG) anunciou, nesta última quinta-feira (4), que vai concorrer à reeleição em outubro. Embora líder das pesquisas para o Senado, ele resolveu apoiar Bruno Miranda, candidato do PDT ao posto.

A articulação foi feita a fim de fortalecer a participação de Marcus Pestana (PSDB) na disputa pelo governo de Minas Gerais.

Nas últimas semanas, PSDB e PDT fizeram um acordo em torno da candidatura de Pestana. Em contrapartida, e para ter um palanque ao presidenciável Ciro Gomes em Minas, os pedetistas resolveram lançar uma candidatura ao Senado.

“Avaliamos que o mais importante, neste momento, é fortalecer a candidatura de Marcus Pestana ao governo. Isso passa, também, pelo fortalecimento da nossa aliança. Vou deixar a disputa ao Senado, em nossa chapa, para Bruno Miranda, grande quadro do PDT”, afirmou Aécio.

“Continuarei candidato a deputado federal, retomando o trabalho que venho fazendo na Câmara”, acrescentou.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Em proposta de governo, nome do PSTU afirma ser contra 'barbárie promovida pelo capitalismo'.

Política

Mais de 156,45 milhões de eleitores estão aptos a votar em outubro

Política

Em tese, o ex-governador está inelegível por ter sido cassado, mas foi escolhido pelo PMB.

Política

Senadora por MS substituirá Luciano Bivar, que abriu da corrida ao Planalto para tentar reeleição na Câmara.

----- CLEVER ADS -----