Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Ex-ministro de Temer, Carlos Marun é nomeado assessor em Assembleia Legislativa

O ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, fala à imprensa sobre a pauta de votações legislativas, no Palácio do Planalto.

O ex-ministro da Secretaria de Governo da gestão do ex-presidente Michel Temer, Carlos Marun (MDB), foi nomeado nesta última segunda-feira (3) como assessor parlamentar da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul (Alems).

Ele atuava como conselheiro de Itaipu Binacional desde maio do ano passado, por nomeação do presidente Jair Bolsonaro, mas pediu desligamento do cargo no início de abril para, segundo ele, voltar à atuação política.

A partir de agora, Marun vai ocupar uma função cujo salário é de R$ 3.190,98, segundo informações do Portal da Transparência. Antes, em Itaipu, seu vencimentos mensais giravam em torno de R$ 27 mil.

Ainda não se sabe em qual dos 24 gabinetes ele deverá atuar. No Legislativo de Mato Grosso do Sul, existem três parlamentares que pertencem ao partido do ex-ministro: Eduardo Rocha, Marcio Fernandes e Renato Câmara.

Em 2016 e 2017, ele foi considerado ‘braço direito’ de Michel Temer e também atuou como um dos fieis escudeiros de Eduardo Cunha (MDB), ex-presidente da Câmara dos Deputados.

Alems | Divulgação | Diário Oficial

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Mundo

Nesta terça-feira (30), a Rússia reiterou a parceria estratégica com o Brasil e comemorou a entrada do país, em janeiro de 2022, no Conselho...

Congresso

Senadores aprovaram parecer de Antônio Anastasia; caso vai a plenário.

Saúde

Sistema combina três funções importantes: controle motor intuitivo, cinestesia de toque e preensão, a sensação intuitiva de abrir e fechar a mão.

Governo

Segundo o governo, trata-se de um ataque ransomware, em que os invasores geralmente pedem dinheiro em troca de dados sequestrados.