Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Militares devem se vacinar, usar máscara e não divulgar informações sem conferir a fonte, determina Exército

Diretriz repassada a agentes de todo o país estabelece ações em meio à crise sanitária.

Marcelo Camargo | Agência Brasil

O comando do Exército divulgou diretrizes que visam combater à Covid-19 entre os integrantes da corporação.

A vacinação para quem retornar ao trabalho presencial, o distanciamento, o uso de máscaras e a proibição de disseminar ‘fake news’ sobre a pandemia estão entre as medidas.

O documento, assinado pelo comandante do Exército, general Paulo Sérgio Nogueira de Oliveira, evidencia que o objetivo é consolidar o retorno completo das atividades administrativas e operacionais. É destacado, inclusive, que a retomada das funções é possível com base na aceleração da vacinação contra a Covid-19 no país, sem deixar de lado as normas sanitárias de Estados e Municípios, como também as orientações do Ministério da Saúde.

A corporação segue propondo o distanciamento social, o uso de máscaras e a higienização das mãos. Ações de proteção individual e a comprovação da vacinação para volta ao trabalho presencial estão inclusas na resolução.

São, ao todo, 52 pontos. Entre eles, o Exército define que: militares e servidores civis que retornarem de viagem internacional deverão mostrar teste molecular (RT-PCR) em até 72 horas antes do embarque.

Para que as atividades presenciais sejam cumpridas, o período de 15 dias após a imunização contra a covid-19 deve ser respeitado.

Os militares estão proibidos, conforme a instrução, de divulgar nas redes sociais informações sobre a pandemia sem fazer a devida checagem da fonte. O documento sugere que os agentes devem direcionar os parentes a adotarem o mesmo comportamento.

No texto, é firmado que “não deverá haver difusão de mensagens em redes sociais sem confirmação da fonte e da veracidade da informação. Além disso, os militares deverão orientar os seus familiares e outras pessoas que compartilham do seu convívio para que tenham a mesma conduta”.

Leia a íntegra do documento.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Mundo

Governo diz que medida terá duração de 9 dias, após recorde de casos de covid-19 na região.

Últimas

Esquema envolvia despachantes, caçadores, atiradores e colecionadores

Mundo

Soldados não imunizados “apresentam risco para a força”, aponta o comunicado.

Mundo

21 milhões de novos casos de Covid foram registrados.