Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

MPRJ apreende alimentos proibidos na cela de Sérgio Cabral

 

Castanhas, presunto cru, queijos finos, bolinhos de bacalhau, iogurte em balde de gelo e outras iguarias foram apreendidas durante uma vistoria realizada pelo Ministério Público do Rio de Janeiro nas celas do ex-governador Sérgio Cabral (PMDB), da sua mulher Adriana Ancelmo, do empresário Jacob Barata Filho e da ex-governadora Rosinha Garotinho (PR).

“O Ministério Público vai comunicar os fatos ao juiz da 7ª Vara Federal e ao juiz eleitoral de Campos, e o MPRJ adotará as medidas cabíveis contra as autoridades e servidores da SEAP”, informou a procuradoria em nota.

O ex-governador Sergio Cabral foi preso em novembro do ano passado e, mesmo sob custódia, ainda mantém relações de poder. Já sua mulher, Adriana Ancelmo, retornou à prisão na quinta-feira (23) por uma determinação do TRF2. Ambos são condenados por lavagem de dinheiro e associação criminosa.

Investigado, o empresário Jacob Barata Filho foi preso preventivamente na semana passada. Rosinha Garotinho, por sua vez, foi presa na última quarta-feira (22) com o marido, Anthony Garotinho, por suspeita de corrupção e financiamento ilegal de campanha eleitoral.

 

Comentários

FALE COMIGO: davy@conexaopolitica.com.br — chefe de redação do Conexão Política e natural do Rio de Janeiro (RJ).

Últimas

Juíza disse que não houve nenhuma mudança que justifique revogação

Últimas

Ex-governador do Rio de Janeiro também teria acesso a banquetes dentro da cadeia.

Judiciário

Marco Antônio teria usado seu cargo de deputado para acessar o presídio em dias e horários não permitidos.

Judiciário

Ex-governador permanecerá preso em decorrência de outros processos sobre corrupção.

----- CLEVER ADS -----