Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

AC, DF, RO, RR e SC são os redutos eleitorais que mais preocupam a campanha de Lula

A menos de quarto meses para o Primeiro Turno das eleições, grupos políticos intensificam análises e estratégias internas.

Reprodução | Youtube

A campanha de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tem se debruçado sobre o cenário da corrida eleitoral de outubro.

Ao analisar os números à Presidência da República, a cúpula petista aponta que é preciso buscar reverter o favoritismo de Bolsonaro em cinco estados brasileiros. Se, por algum motivo, não houver chances de o eleitorado mudar por completo, é cogitado que, ao menos, a campanha consiga diminuir a ampla vantagem.

Segundo informações de Guilherme Amado, do Metrópoles, os estados listados são: Acre, Distrito Federal, Rondônia, Roraima e Santa Catarina.

Conforme tem registrado o Conexão Política, o clima de “já ganhou” não assola mais o reduto lulopetista. No cotidiano, cálculos constantes têm sido feitos para saber qual a projeção real do pleito ao Palácio do Planalto.

Apesar de diversos institutos de pesquisas projetarem a liderança isolada do esquerdista, há pessoas de dentro do próprio Partido dos Trabalhadores que não enxergam essa eventual onda de favoritismo.

Enquanto outubro não chega, o PT vai continuar mantendo atenção máxima sobre as sondagens que surgirem, sem desconsiderar a recepção das ruas e das andanças em solo brasileiro.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Política

Candidato a vice, Geraldo Alckmin também informou bens.

Política

Adesão do grupo protestante tem sido cada vez maior em torno do atual chefe do Executivo federal.

Política

Lula e Bolsonaro acumulam os maiores horários.

Política

Ambos somam 38% das intenções de voto, aponta Gerp.

----- CLEVER ADS -----