Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Rosangela Moro deve ser candidata à Câmara dos Deputados em 2022

Dirigentes do ‘Podemos’ querem lançar a advogada pelo estado São Paulo.

Cleia Viana | Agência Câmara

Depois de filiar Sergio Moro, os dirigentes do ‘Podemos’ agora trabalham para fazer o mesmo com Rosangela Wolff Moro, advogada curitibana e esposa do ex-juiz da Lava Jato.

A expectativa é que o ato de filiação ocorra antes do fim do ano, assim que Rosangela voltar ao país. Atualmente ela está nos Estados Unidos.

A intenção da legenda é lançá-la candidata à Câmara Federal em 2022 pelo estado de São Paulo.

Mas por que São Paulo e não Paraná — a terra natal dos Moro? A resposta é simples: o território paulista é o maior colégio eleitoral do Brasil e elege 70 deputados a cada quatro anos.

Assim, se um candidato for muito bem votado, como os correligionários de Moro esperam que seria o caso de Rosangela, pode acabar beneficiando colegas do mesmo partido, de acordo com a regra eleitoral proporcional.

O ‘Podemos’ também encara a empreitada como uma resposta ao grupo político do governador João Doria (PSDB), que frequentemente põe em dúvida a viabilidade eleitoral do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública caso fosse lançado ao Senado pela unidade federativa.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Todos devem cumprir a legislação eleitoral para apto ao pleito deste ano.

Política

Pedido de votos e propaganda eleitoral antecipada não serão permitidos.

Política

Arrecadação pode começar a partir do dia 15 deste mês

Últimas

Para receber a proteção da corporação, cada candidato deve solicitá-la formalmente.