Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Política

Sergio Moro diz que está ‘pronto’ para ser presidente da República

Em entrevista a Pedro Bial, ex-juiz da Lava Jato afirmou estar ‘construindo um projeto consistente’.

Saulo Rolim | Podemos | Flickr

O ex-juiz federal e ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, afirmou em entrevista ao programa Conversa com Bial, nesta última terça-feira (16), que está “pronto” para construir um “projeto” para as eleições de 2022.

“Estou pronto para liderar esse projeto, e construindo um projeto consistente com o povo brasileiro. Se o povo brasileiro tiver essa confiança, o projeto segue adiante”, declarou, após ser questionado se está preparado para uma eventual candidatura ao Palácio do Planalto.

De acordo com Moro, que ingressou oficialmente na política depois de filiar-se ao Podemos, ele já discute ideias para uma eventual candidatura, principalmente em relação aos assuntos econômicos do país.

Na entrevista, citou o economista Affonso Celso Pastore como um “guru” ou “consultor” a nível macroeconômico. Pastore, de 82 anos, foi presidente do Banco Central (BC) durante o final do regime militar, entre 1983 e 1985, durante o governo de João Figueiredo.

O ex-magistrado da Lava Jato ainda comentou sobre a sua promessa reiterada de que não ingressaria na política. Segundo ele, o contexto da época de suas declarações “mudou completamente” e agora sua intenção é “buscar essa reforma através do sistema político”.

“Eu estava confortável no setor privado e acabei aceitando um convite para morar no exterior, mas eu via com tristeza isso [a política]. Acabei me sentindo compelido a vir pra cá. Eu não faltei com a verdade naquele momento, mas o contexto mudou tão completamente. Eu acreditava que o sistema político ele ia consertar e não vi isso acontecendo. E me surgiu a opção de voltar agora para o Brasil e buscar essa reforma através do sistema político”, finalizou.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Suposta celebração teria ocorrido em 2019, quando o petista foi solto.

Política

Governador de São Paulo está em Nova York para encontros com empresários.

Política

Emedebista pontuou que a eventual candidatura é apenas uma hipótese em caso de grande mobilização.

Política

Deputado quer se oferecer aos paulistas como alternativa à polarização entre bolsonaristas e petistas.