Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Saúde

Cada salsicha consumida encurta a vida em 36 minutos, diz estudo

Análise foi publicada em revista científica americana.

Charles Deluvio | UnSplash

Você faz parte do grupo de pessoas que não dispensa ‘cachorro-quente’ em aniversários, clubes sociais ou até mesmo durante o final de semana com a família?

Se a resposta for positiva, talvez seja importante se atentar a um novo levantamento realizado sobre as famosas ‘salsichas de hot dog’.

De acordo com um novo estudo, publicado na revista científica Nature Food, cada salsicha consumida pode diminuir 36 minutos da expectativa de vida de uma pessoa.

Os números foram colhidos por meio do cálculo de que cada grama de comida processada tira 0,45 minutos de vida.

O cálculo visa detalhar o impacto na saúde de um grama de cada alimento e, consequentemente, obter um mapeamento de como uma refeição completa influencia na expectativa de um ser humano.

As gorduras trans e o sódio presentes no produto foram determinantes na análise final.

Por outro lado, existem alimentos capazes de proporcionar longevidade, a exemplo das castanhas, que acrescentam 26 minutos à vida de quem consome uma porção delas.

Ao analisarem mais de quase 6 mil alimentos para criar o Index de Saúde Nutricional, os pesquisadores da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, apontaram que as pessoas que substituem 10% da quantidade diária de calorias ingeridas de carnes ou processados por vegetais, frutas e nozes, conseguem acrescentar 48 minutos à vida.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Saúde

Pesquisa foi conduzida pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná.

Saúde

Vida marinha se recuperou em três anos após erupção do Vulcão Tagoro.

Últimas

Dados são de estudo feito pelo Instituto de Segurança Pública entre 2016 e 2020.

Economia

Alta contratação de dívidas é motivada, principalmente, por fatores como a precariedade do mercado de trabalho formal e a inflação elevada.