Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Após Guedes dizer que Senado cometeu ‘um crime contra o país’, Maia rebate e pede ‘respeito’

Rodrigo Maia, Maia, Câmara,

Após Paulo Guedes, da Economia, dizer que o Senado Federal deu um péssimo exemplo e que cometeu “um crime contra o país” ao derrubar veto de Jair Bolsonaro sobre reajuste de servidores públicos, a declaração repercutiu fortemente no cenário político nacional.

Um dos que rebateu publicamente foi Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara dos Deputados.

Maia não ficou satisfeito com as declarações de Guedes.

Em coletiva, disse que é preciso respeitar a decisão do Senado. Ainda segundo ele, de nada adianta reagir em forma de ‘ataque’.

“Nós, primeiro, vamos reafirmar o nosso respeito ao Senado Federal. Não é por que o Senado fez uma votação que eu, pessoalmente, tenho divergência do resultado que nós devemos atacar o Senado. As votações são democráticas e o processo legislativo prevê que há uma Casa revisora.”

E completou:

“Acho que não nos ajuda o ministro da Economia atacar o Senado Federal. Isso, inclusive, ataca e pode contaminar o nosso processo de votação. É preciso respeito ao Senado Federal e à sua independência.”

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Política

Ex-presidente da Câmara avalia que o mais importante é derrotar Cláudio Castro.

Governo

Ministro disse que pode dar aumento se reforma administrativa for aprovada

Últimas

Paulo Guedes participou da abertura de fórum da Abras

Congresso

Intimação foi requisitada pelos deputados Luis Miranda e Subtenente Gonzaga.

----- CLEVER ADS -----