Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Augusto Aras se pronuncia

O procurador-geral da República, Augusto Aras, se pronunciou sobre o caso envolvendo André do Rap.

Ao recorrer no Supremo Tribunal Federal (STF) contra a decisão de Marco Aurélio Mello, que concedeu um Habeas Corpus a favor do chefão do PCC, Aras destacou que a concessão de liberdade ao traficante “é uma violência contra a ordem pública”.

Segundo o PGR, a decisão de soltura traz à tona dúvidas sobre a capacidade do Judiciário, do Ministério Público e da Polícia.

“O retorno à liberdade de agentes de poder econômico e criminal faz pairar dúvida a todos sobre a capacidade do Judiciário, do Ministério Público e da Polícia de restaurarem o império da lei e alcançarem todos os faltosos”, afirmou.

Aras frisou a necessidade de revogação da liminar.

“Tal cenário revela a existência de fato novo, a saber, o descumprimento das condicionantes estabelecidas na decisão liminar”, afirmou.

E acrescentou:

“Os autos não demonstram, sob nenhum aspecto, que as decisões que decretaram e mantiveram a prisão preventiva do paciente sejam flagrantemente ilegais, abusivas e muito menos teratológicas”.

Comentários

FALE COMIGO: raul@conexaopolitica.com.br — diretor de redação do Conexão Política e natural de Recife (PE).

Mundo

Nesta terça-feira (30), a Rússia reiterou a parceria estratégica com o Brasil e comemorou a entrada do país, em janeiro de 2022, no Conselho...

Judiciário

PGR opinou pela manutenção da medida, mas contra divulgação dos dados colhidos pela comissão.

Judiciário

Em outubro de 2020, criminoso saiu da prisão após liminar concedida pelo então ministro Marco Aurélio.

Judiciário

Medida assinada pelo Executivo impede remoção de publicação virtual sem justificativa clara.