Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Bolsonaro detona Rede Globo e Wilson Witzel


O presidente Jair Bolsonaro fez uma live no Facebook na noite desta terça-feira (29).

Com a chamada “Mais uma matéria porca da Globo”, o presidente criticou a reportagem do ‘Jornal Nacional’ que associou seu nome a um dos suspeitos de matar a vereadora Marielle Franco em 14 de março de 2018.

Citando a revista Veja, o chefe do Executivo acusou o governador Wilson Witzel de vazar à TV Globo o depoimento do porteiro segundo o qual um dos suspeitos de matar a parlamentar esteve em seu condomínio horas antes do assassinato.

“O senhor só se elegeu porque ficou o tempo todo ao lado dos meus filhos. O seu objetivo é de nos destruir”, disparou.

Jair também lembrou que a intenção do governador é disputar a Presidência em 2022.

Bolsonaro, que está na Arábia Saudita, ficou bastante nervoso e também bateu forte na Rede Globo.

“Vocês, TV Globo, o tempo inteiro infernizam a minha vida, porra! (…) Vocês não tem vergonha na cara. Agora, Marielle Franco, querem empurrar pra cima de mim? Patifes, canalhas, não vai colar! Não devo nada a ninguém. Vocês querem arrebentar com o Brasil. Estava muito bem com governos anteriores, mamavam bilhões de estatais. Acabou a teta, não tem mais dinheiro público para vocês”, declarou.

Logo em seguida, o presidente afirmou que, em 2022, quando vence a concessão da emissora, o processo de renovação deverá estar “limpo” e “transparente” para ser aprovado.

“Não vai ter jeitinho para vocês”, disse.

ASSISTA ABAIXO

 

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Governo

Declaração do presidente foi confirmada pelo dirigente do partido.

Mundo

Ditador afirma que declarações do brasileiro sobre a Covid-19 são “loucuras típicas de um extremista de direita”.

Últimas

Em comunicado, canal de TV torna imunizante obrigatório para colaboradores.

Governo

Presidente afirma que atos farão parte de "um momento ímpar para o futuro" do país.