Conecte-se conosco

Mundo

Câmara dos EUA votará impeachment de Trump hoje (13)

Publicado

em

Os parlamentares devem se reunir às 9h (horário local) desta quarta-feira para debater e votar contra ou a favor do impeachment do presidente dos EUA, Donald Trump.

A presidente da Câmara, Nancy Pelosi, está liderando os parlamentares democratas na votação do impedimento, acusando o mandatário de “incitação à insurreição” e “incitação à violência contra o governo dos Estados Unidos”.

O processo deverá ser aprovado na Câmara, mas o julgamento no Senado pode ficar apenas para depois da saída do presidente.

No final da tarde de terça-feira (12), fontes disseram a Axios que o líder da maioria no Senado, Mitch McConnell, provavelmente votaria para condenar Trump no Senado.

Os democratas dizem que Trump é uma “ameaça à segurança nacional, à democracia e à Constituição” se for autorizado a permanecer no cargo. No entanto, o presidente Trump pediu repetidamente por cura e unidade, prometendo uma transição pacífica após o tumulto no Capitólio que os democratas o acusam de causar.

O deputado democrata da Califórnia, Adam Schaffer, argumenta: “Todos os dias em que está no cargo, ele continua sendo um perigo presente para o país.”

Mas Trump contesta as acusações da mídia e da oposição, afirmando que ele não foi responsável por fomentar a violência que deixou cinco pessoas mortas. Ele disse na terça-feira: “A continuação de Nancy Pelosi e Chuck Schumer neste caminho, acho que está causando um enorme perigo ao nosso país e está causando uma raiva enorme […] Não quero violência”.

O líder da minoria na Câmara, Kevin McCarthy, concorda que a votação de hoje pode inflamar ainda mais a indignação, dizendo que “um impeachment neste momento teria o efeito oposto de unir nosso país”.

Trump também disse que os esforços dos democratas para o impeachment eram a “continuação da maior caça às bruxas da história da política”.

Cristã e Correspondente Internacional na Europa.