Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Defesa de Lula: “Palocci mentiu mais uma vez”

Imagem: Filipe Araújo

A defesa de Lula reagiu à delação premiada do ex-ministro Antonio Palocci, que atribui ao ex-presidente envolvimento no amplo esquema de loteamento de cargos estratégicos na Petrobrás acatando interesses de partidos políticos e distribuição de propinas.

Segundo o advogado Cristiano Zanin Martins, defensor de Lula, Palocci mentiu mais uma vez e não apresentou nenhuma prova contra o ex-presidente.

A delação de Palocci foi tornada pública parcialmente pelo juiz Sérgio Moro nos autos de uma ação penal em que Lula é réu por corrupção passiva e lavagem de dinheiro supostamente recebido a título de propinas no montante de R$ 12,5 milhões, na forma de compra de um apartamento em São Bernardo do Campo e de um terreno supostamente destinado ao Instituto Lula.

Segundo o advogado, Moro juntou ao processo, ‘por iniciativa própria (‘de ofício’), depoimento prestado pelo sr. Antônio Palocci na condição de delator com o nítido objetivo de tentar causar efeitos políticos para Lula e seus aliados, até porque o próprio juiz reconhece que não poderá levar tal depoimento em consideração no julgamento da ação penal’.

Palocci fechou acordo de delação com a Polícia Federal. O ajuste foi homologado pelo desembargador Gebran Neto, do Tribunal Regional Federal da 4.ª Região, o Tribunal da Lava Jato. A Procuradoria da República não participou das negociações.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Política

Governista acredita no crescimento de Bolsonaro durante a campanha eleitoral.

Política

Usuários questionam projeções de adesão popular em torno do líder petista.

Política

Comentaristas da Jovem Pan, analisaram fala de Bolsonaro sobre o Partido dos Trabalhadores.