Siga-nos nas redes sociais

Digite o que você procura:

Últimas

Deltan Dallagnol rebate Dias Toffoli: “Irresponsabilidade”

Procurador da República repudiou a recente declaração do presidente do STF sobre a Operação Lava Jato.

Nesta segunda-feira (16), o procurador da República Deltan Dallagnol classificou a recente declaração do ministro Dias Toffoli, do STF, como uma “irresponsabilidade”.

Em entrevista ao Estado, o ministro afirmou que a Operação Lava Jato “destruiu empresas”, em função do que chama de falta de clareza da legislação sobre acordos de colaboração premiada para pessoas jurídicas.

Dallagnol rebateu:

“Dizer que a Lava Jato quebrou empresas é uma irresponsabilidade. Primeiro: É fechar os olhos para a crise econômica relacionada a fatores que incluem incompetência, má gestão e corrupção. Segundo: É culpar pelo homicídio o policial porque ele descobriu o corpo da vítima, negligenciando o criminoso. Os responsáveis são os criminosos. A Lava Jato aplicou a lei”, afirmou o procurador em seu Twitter.

Comentários

FALE COMIGO: marcos@conexaopolitica.com.br — editor-chefe do Conexão Política e natural de Campo Grande (MS).

Judiciário

Fux defende que reformas de decisões na força-tarefa se deram por "questões formais".

Últimas

Levantamento foi divulgado pelo Sebrae

Judiciário

Ricardo Lewandowski atendeu pedido feito pelo ex-diretor da Petrobras.

Judiciário

Equipe jurídica do petista vislumbra indenização no valor de R$ 1 milhão.